Carrefour fecha parceria com startups como Rappi e Cybercook


Extra Information

Por Letícia Fernandes

 

A rede francesa Carrefour tem pensado em novas maneiras de revolucionar sua atuação no Brasil. Com a maior operação fora da França, a subsidiária brasileira tem investido em propostas que poderão posicionar o Carrefour como um dos líderes em inovação no mercado.

Essas propostas vêm com parcerias com outras empresas, antes tidas como concorrentes, mas que são startups muito importantes no cenário atual. Após reformar lojas para criar novos estoques, mudar a disposição de itens em loja e até desenvolver a própria moto para entregas, o Carrefour agora busca planos para inovar em seu comércio eletrônico.

Entre suas parceiras estão startups como a Rappi, empresa colombiana de delivery que está tomando notoriedade no Brasil. O aplicativo de entregas ficou responsável por cerca de 30% das vendas online da rede, conquistando novos clientes (cerca de 50% das vendas feitas pelo Rappi são para novos consumidores – informações da Exame).

Ainda segundo o site, “a parceria dá uma nova vida a um formato que estava apagado, o hipermercado. Cerca de 15 lojas serão reformadas ainda esse ano para ganhar um estoque separado, específico para o comércio eletrônico, para facilitar as compras dos entregadores do aplicativo. Em quatro anos, serão 80 lojas reformadas com estoques separados. O espaço não abrange os itens frescos, que continuam sendo retirados nas lojas”.

Além dos estoques, a rede percebeu que novos centros de distribuição eram necessários. Através do aplicativo do Rappi, notaram que, por exemplo, a demanda por cerveja gelada ocorria em todas as horas do dia, então, criaram estoques para entrega de bebidas geladas.

Outra startup que firmou parceria com o Carrefour foi a Cybercook, site de receitas que facilita o planejamento de refeições dos lares brasileiros. No site da empresa o consumidor por filtrar as receitas por preço, tempo de preparo e se são vegetarianas, livres de glúten ou lactose.

Como nota a Exame, para a rede Carrefour, a Cybercook funciona como “um provedor de informações sobre o que os consumidores mais estão buscando no momento”. Isso ajudou a varejista a aumentar o número de prateleiras dedicadas a esses produtos mais procurados. Por exemplo, a procura por itens vegetarianos e veganos aumentou 400% no último ano.

Outra parceira que também ajuda nessa análise de dados é a Propz. Cerca de 70% das vendas do Carrefour já são identificadas através do CPF, outra ferramenta para conhecer o cliente melhor.

A ideia de “ressuscitar” o comércio eletrônico veio de uma análise sobre a China, um dos países mais desenvolvidos no e-commerce alimentar. Por lá, as empresas desenvolvem sua atuação através de dados, conteúdo, logística e pagamentos. A rede Carrefour, no entanto, não quis criar seus próprios negócios na área, optando pela parceria com startups.

O Carrefour está cheio de novidades. Este ano vimos a criação de um programa de acesso a informações sobre alimentação saudável, o Act for Food, além do programa Únicos, que estimula o consumo de alimentos considerados “feios” com desconto de até 30%, implementado em 71 lojas no estado de São Paulo.

 

Quer saber mais? Abaixo disponibilizamos links para leitura complementar:

 

Conhece outras startups interessantes ou gostaria de falar do seu próprio projeto?  Entre em contato conosco e deixe sua opinião ou sugestão!