Eat Just garante primeira aprovação de venda de carne cultivada

A agência de alimentos de Singapura, principal responsável por assuntos relacionados a comida na cidade-estado, aprovou este mês a venda de produtos contendo carne cultivada em laboratório.

A food tech Eat Just, Inc., que no mês passado revelou planos de abrir sua maior unidade de produção de proteína vegetal isolada em Singapura, agora é a primeira empresa a conquistar essa aprovação de venda. De acordo com a agência (SFA), o "frango de laboratório" da Eat Just recebeu recentemente a aprovação de ser vendido como ingrediente dos nuggets (ou chicken bites) da empresa. Outros produtos upostamente em desenvolvimento incluem o camarão cultivado da Shiok Meats e a carne cultivada da Ants Innovate.


A vantagem de ser a primeira


A SFA rapidamente enfatizou que a segurança alimentar continua sendo seu foco principal e que irá garantir que os produtos alimentícios que entram em Singapura são seguros para consumo. Especialistas acreditam que ter um regulador tão proeminente se movendo de forma eficiente para aprovar produtos contendo carne cultivada (também conhecida por carne de laboratório ou carne in vitro) pode causar um efeito cascata na região.


“Isto pode significar um novo marco na história das carnes cultivadas"Dr. Ding Shijie


Dr. Ding Shijie, Professor Associado da Universidade Agricultural de Nanjing e um dos membros principais da equipe que produziu a primeira carne de porco cultivada em laboratório, em 2019 na China, disse ao The Good Food Institute Asia Pacific (GFI APAC) que ele acredita que a aprovação regulamentada em Singapura irá acelerar os investimentos e desenvolvimento desse produto por toda a Ásia.

Ele também acredita que as decisões poderão servir de exemplo para o governo chinês e outros, enquanto desenvolvem suas próprias regulamentações para carne cultivada.


Sudeste da Ásia é o epicentro da inovação


A relação de Singapura com proteínas alternativas não se limita a carne cultivada; a cidade-estado tem apoiado produtos de origem não-animal, derivados de plantas, algas, fungos, etc.

Proteína alternativa é uma oportunidade que vem crescendo rápido no mercado global. As agências governamentais de Singapura também têm procurado construir um canal de talentos para a nova geração de inovadores em alimentos, através de parcerias dentro da indústria.


A corrida espacial dos tempos modernos


Fengru Lin, co-fundador e CEO da biotech TurtleTree Labs, em Singapura, que está envolvida em novos estudos sobre alimentos, expressou otimismo com o programa Singapore Food Story R&D, pois acredita que ele ajudará a trazer consciência sobre inovação em alimentos, ecossistema e maneiras de construir uma indústria inteira de proteínas alternativas.

Elaine Siu, Diretora Administrativa do GFI Asia Pacific, acredita que a corrida para separar a produção de carne da pecuária industrialista está cada vez mais acirrada, e as nações que seguirem a liderança de Singapura serão capazes de colher os benefícios, visto que o mundo inteiro está se voltando para esse novo e melhor jeito de produzir carne.


Fonte: Good Food Institute

Política de Troca, Entrega e Reembolso

Nossos Produtos são digitais e entregues de acordo com cada um dos planos.

Entrega: toda quarta newsletter free e toda segunda Mapa Startups

 

O reembolso do pagamento é feito apenas no prazo de teste grátis

 

Mais informações no e-mail de contato.
 

DADOS E CONTATO

Tel: (11) 99232-6210

Email:  info@foodventures.com.br

Food Ventures Consultoria em Inovações Ltda

CNPJ: 28.768.322/0001-02

Campinas , SP - Brasil

SIGA-NOS

  • LinkedIn ícone social
  • Instagram
  • Facebook
  • Pinterest

© 2020 por FoodVentures