O que há por trás do seu cafezinho?

Analisando a Economia do Café.


O que vai na sua xícara de café de manhã e o que torna isso possível?

A resposta óbvia seria "grãos de café", mas quando você começa a contabilizar os custos adicionais, o escopo de uma cadeia de produção maciça de quase 200 bilhões de dólares fica claro.

Desde o trabalho de cultivar, exportar e torrar o café até os materiais utilizados, como embalagens, copos e mexedores, há muitos custos subjacentes inclusos em cada xícara de café consumida.


A dificuldade em fixar o preço do café


Medir uma indústria global é uma tarefa complicada. Não só os valores do café são flutuantes, como cada país têm suas diferenças de disponibilidade, custos relativos e preço final de produtos.

É por isso que um copo de café nos Estados Unidos não custa o mesmo que um no Reino Unido ou no Japão, ou em nenhum lugar do mundo. Mesmo dentro de cada país, as diferenças de acesso de uma empresa aos grãos de café do atacado irão ditar o preço final.


Do cultivo dos grãos às embalagens para exportação.

Para fazer café você deve ter as condições exatas para cultivá-lo.

Os dois maiores e mais populares tipos de café, Arábica e Robusta, são produzidos principalmente em países subequatoriais. As plantas são originárias da Etiópia, mas foram cultivadas primeiro no Iêmen nos anos 1600, antes de serem levadas para o resto do mundo pelo colonialismo europeu.

Hoje, o Brasil é de longe o maior produtor e exportador de café do mundo, com o Vietnã sendo o único outro país responsável por uma porcentagem de dois dígitos na produção global.



Uma indústria global gigante


A produção de café é uma grande indústria por uma razão: o consumo de café é realmente um caso universal, com 2,3 milhões de copos de café sendo consumidos por minuto pelo mundo. No volume total de vendas, café é a quarta bebida mais consumida do planeta.

Isso faz com que o lado varejista do mercado seja um importante fator. Dominado por empresas como Nestlé e Jacobs Douwe Egberts, a venda global no varejo em 2017 chegou a 83 bilhões, com um gasto médio anual de 11 dólares per capita globalmente.

Claro que alguns países têm mais consumidores de café que outros. Os maiores consumidores de café por tonelagem são os Estados Unidos e o Brasil (que também é o maior produtor e exportador), mas o consumo per capita é significativamente maior em países da Europa como Noruega e Suíça.


A próxima vez que você tomar um golinho de café, considere a cadeia produtiva em sua vastidão e várias camadas que tornam tudo possível.


Traduzido do site Visual Capitalist.

Política de Troca, Entrega e Reembolso

Nossos Produtos são digitais e entregues de acordo com cada um dos planos.

Entrega: toda quarta newsletter free e toda segunda Mapa Startups

 

O reembolso do pagamento é feito apenas no prazo de teste grátis

 

Mais informações no e-mail de contato.
 

DADOS E CONTATO

Tel: (11) 99232-6210

Email:  info@foodventures.com.br

Food Ventures Consultoria em Inovações Ltda

CNPJ: 28.768.322/0001-02

Campinas , SP - Brasil

SIGA-NOS

  • LinkedIn ícone social
  • Instagram
  • Facebook
  • Pinterest

© 2020 por FoodVentures