Papapá oferece papinhas saudáveis e acessíveis para auxiliar os pais na introdução alimentar

Dois nichos pouco falados que também são bons investidores em inovação: papinha de bebê e ração de cachorros. No que diz respeito ao primeiro nicho, temos a marca Papapá fazendo notícia esta semana para provar.

De olho nas mudanças e novas tendências dos consumidores, a marca lançou opções no varejo que são 100% naturais e orgânicas. Nos principais mercados do Brasil como Big e Pão de Açúcar desde fevereiro deste ano, as papinhas Papapá oferecem aos pais uma opção saudável e acessível pra dar aos bebês entre as refeições na introdução alimentar, principalmente quando se precisa de praticidade.

O grande diferencial das papinhas da Papapá é que todos os produtos são 100% naturais e orgânicos, ou seja, sem conservantes, sem adição de açúcar e sem ingredientes pré-processados, com registro da ANVISA e com Certificado Orgânico do Brasil.

Diferente das papinhas em vidro, as papinhas da Papapá são apenas pasteurizadas, mantendo a maioria dos nutrientes originais dos seus ingredientes (sem amido e sem água). Já as de vidro passam por um processo de autoclave que acaba eliminando alguns dos nutrientes do alimento.

Indicada para bebês a partir de 6 meses de vida, as papinhas vêm em embalagens de 100g e, ao todo são cinco sabores (Banana, mirtilo e quinoa; Maçã e ameixa; Manga; Maçã, batata doce e cenoura e Pera, espinafre e abobrinha).

A embalagem das papinhas da Papapá é a única em pouch do Brasil e segue o mesmo modelo de embalagem mais usado no mundo para alimentos para bebês. A barreira de alumínio permite preservar os ingredientes por mais tempo e o formato ainda é vantajoso, pois o bebê consegue segurá-lo com as próprias mãos, promovendo independência e segurança. Outra vantagem é que elas não precisam de refrigeração, sendo uma ótima opção para levar em passeios e viagens.

Ainda no objetivo de ajudar na introdução alimentar dos bebês, a Papapá deve expandir sua linha de produtos com o lançamento de biscoitinhos naturais para dentição e papinhas salgadas que poderão ser ofertadas aos bebês como refeição principal.


Fonte: Food Innovation