Reaproveitamento de alimentos e inovação

Dando continuidade à parceria Food Ventures e GEPEA, neste mês de junho vamos abordar o tema: “Reaproveitamento de alimentos e inovação”. No texto desta semana falaremos sobre o conceito de desperdício, de reaproveitamento e o que isso tem a ver com inovação no setor de alimentos.

A parceria entre o GEPEA e a Food Ventures visa criar um conteúdo rico. O intuito é trazer a visão de negócios da Food Ventures em conjunto com a visão acadêmica da Empresa Júnior.

Aproveite a leitura!

Desperdício

Quando o assunto é desperdício de alimentos é possível abordarmos desde as sobras de refeições até subprodutos da indústria. O problema do descarte foi detectado em todos os estágios da cadeia produtiva de alimentos, do campo à mesa.


Agregando ao debate sobre como melhorar nosso sistema alimentar, soluções para evitar o desperdício de alimentos têm surgido cada dia mais. Hoje, sabemos através de estudos, que o desperdício tem custado cerca de 1 trilhão de dólares em perdas a cada ano.


A pandemia, iniciada em 2020, apenas aumentou a necessidade de maior resiliência da cadeia de suprimentos e do melhor aproveitamento dos alimentos que estão sendo produzidos, disseminados e comprados em todo o mundo.


Reaproveitamento e inovação

Acredita-se que a tecnologia e a inovação serão as responsáveis principais pela resolução dos problemas citados. Tecnologias que mirem na proteção, preservação e segurança dos alimentos.


Por “sorte” (talvez mais por necessidade), hoje contamos com muitos exemplos de soluções no setor. A nível de campo, temos visto tecnologias voltadas para o prolongamento da vida de produtos pré e pós colheita, como biossensores que reduzem a perda de frutas e legumes, monitoramento de grãos, biopesticidas, fungicidas, entre outras. A empresa norte-americana Clean Crop Technologies é um exemplo desse nicho.


No que diz respeito ao processamento dos alimentos, tecnologia e inovação para conservantes sintéticos e naturais, processamento termal, secagem e desidratação são algumas das soluções encontradas.


A parte de acondicionamento e embalagens tem sido uma das áreas de maior inovação dos últimos tempos. Embalagens comestíveis ou que modificam a atmosfera interna a fim de melhorar a vida útil do produto, e adesivos que atrasam ou avisam sobre a deterioração do alimento são algumas das tecnologias mais promissoras na área.


Pós produção

As soluções para evitar a perda e desperdício de alimentos na pós produção também têm sido muitas. Ideias promissoras que focam no momento de distribuição e varejo, como soluções em armazenamento, transporte, refrigeração e controle de validade e tempo de prateleira são algumas delas.


O projeto nacional Fruta Imperfeita, por exemplo, oferece um serviço de delivery de cestas com frutas e legumes que nasceram fora dos padrões estéticos exigidos pelo varejo e que seriam descartados. A empresa seleciona os alimentos “Imperfeitos” em sítios de pequenos produtores, compram e revendem em cestas entregues nas casas dos assinantes.


Também brasileira, a startup Gooxxy é pioneira na recolocação de produtos com o vencimento aproximado, remanufaturados ou descontinuados, gerando um descarte sustentável para as indústrias e oportunidade de venda para o varejo.


No setor de food service, soluções que ajudem na redistribuição e recolocamento dos alimentos têm sido importantes na luta contra o desperdício. A startup Flavorgator, de Singapura, é um exemplo, ao conectar estabelecimentos e consumidores e ajudar a reduzir o desperdício no estoque ao identificar os pratos menos populares nos restaurantes.

Leia: Ferrero Rocher utiliza tecnologia para otimizar cadeia produtiva e reduzir desperdício.

Como pudemos ver, são muitos os exemplos atuais de inovações e soluções para o setor de alimentos que visam diminuir ou evitar o desperdício e descarte. Essas são apenas algumas empresas que têm trabalhado nesse nicho.

Desenvolve algum produto ou conhece alguma empresa que trabalhe com isso? Conte para nós! No texto da semana que vem nos aprofundaremos mais nos assuntos e traremos mais exemplos de sucesso para vocês.

Acesse nossas redes sociais para mais informações, textos e não perca o webinar no fim do mês sobre esse tema.

Entre em contato conosco para conversar, trocar experiências e saber mais sobre nossos serviços e como podemos o ajudar.